Mulheres Inspiradoras

Mulher Inspiradora: Mônica Xavier

As mães também precisam de cuidados!!
Essa frase ficou na cabeça de Mônica Xavier por muitos anos e, foi pensando em ajudá-las, que ela criou a Empathiae, cujo foco é dar acolhimento às mães com bebês que têm algum tipo de deficiência. “Meus dois filhos nasceram prematuros e, já naquela época, há 25 anos, sentia que as mães ficavam abandonadas e tinha a necessidade de dar algum tipo de apoio às mulheres. Anos depois, uma antiga chefe teve uma filha com síndrome de Down. Todos falavam da criança, mas não diziam nada da mãe. Toda minha história, solidão, veio à tona  de uma maneira muito forte. A partir daí, comecei a estudar, a fazer cursos  e a dar treinamentos em ONGs. O meu primeiro acolhimento foi há 5 anos. Pouco tempo depois nasceu a Empathiae”, lembra.

Com apoio de voluntários, a Organização oferece, por exemplo,  o serviço “Cuidando de quem cuida”, um espaço no qual as mães recebem cuidados exclusivos (muitas vezes de profissionais com algum tipo de deficiência), enquanto uma equipe capacitada fica com as crianças. A ONG também oferece formação para grupos de pais voluntários para o acolhimento de famílias que recebem a notícia de que seu bebê nasceu prematuro, ou com algum tipo de deficiência, dando apoio e mostrando um futuro possível, além de capacitar mulheres para o trabalho manual e oferecer outros serviços.

Desde que foi fundada, a Empathiae já ajudou cerca de 150 mulheres, que ficam sabendo da ONG pelas redes sociais, por amigos ou profissionais parceiros. Hoje, em torno de 60 são atendidas pela organização. Além de São Paulo, há grupos de acolhimento em Vitória, Belo Horizonte e Caxias do Sul.

Fonte: Revista Crescer

Comentar
Página 3 de 21...2345...1020...